Não ter programa de compliance custa três vezes mais do que ter

Click to rate this post!
[Total: 2 Average: 5]
Estudo mostra como gastos com compliance podem, na verdade, ajudar na economia de recursos da empresa. Saiba mais!

Você já parou para calcular o quanto sua empresa gasta ao não implementar um programa de compliance?

Muitas vezes, encaramos o compliance como um investimento desnecessário ou oneroso. Quando, na verdade, é sua ausência que pode ser extremamente prejudicial e custar caro às empresas.

O compliance vai além de uma mera prevenção aos crimes administrativos, como muitos pensam. Trata-se de uma estratégia fundamental para garantir integridade, transparência e sustentabilidade dos negócios.

Quer entender melhor sobre este assunto? Neste conteúdo, iremos abordar os impactos financeiros de não ter um programa de compliance.

Boa leitura!

Quanto custa não ter compliance na empresa?

A falta de um programa de compliance pode parecer uma economia a curto prazo, mas os números contam uma história diferente. Estudo realizado pelo Ponemon Institute LLC revelou que as empresas que não investem em conformidade regulatória pagam três vezes mais do que aquelas que o fazem.

Após analisar 46 organizações multinacionais e entrevistar 160 líderes, os pesquisadores concluíram que:

Enquanto o custo médio por funcionário para cumprir as regulamentações é de apenas US$222, as despesas decorrentes da não conformidade chegam a uma média de US$820 por empregado.

E não para por aí: resolver problemas de não conformidade tem um custo ainda mais elevado, atingindo a média de US$9,4 milhões. Por outro lado, o custo de manter um bom programa de compliance chega no máximo a R$3,5 milhões.

Além disso, o estudo mostra que se uma empresa não se preocupa em seguir as regras e garantir a segurança dos seus produtos e serviços, ela pode perder clientes e, consequentemente, perder dinheiro.

Veja o trecho extraído na íntegra:

“A implicação para uma organização que não gerencia riscos de conformidade com uma resposta integrada e abrangente para a segurança de dados e desafios de compliance relacionados é a diminuição na receita. Isso resulta na perda de confiança e lealdade do cliente e na incapacidade de oferecer serviços e produtos”.

Imagem: clickCompliance

 

Como o compliance pode enxugar custos?

Agora que podemos afirmar que não ter um programa de compliance pode custar até três vezes mais, chegou a hora de mostrar como um bom trabalho de conformidade pode reduzir custos e trazer benefícios tangíveis para a empresa.

Comunicação clara

Não é novidade que manter uma comunicação clara é um dos princípios fundamentais para qualquer organização. Com políticas de compliance bem definidas e documentadas, fica mais fácil informar expectativas e normas para todos os colaboradores.

Agora, você pode estar se perguntando como uma comunicação clara pode ajudar a enxugar custos. Isso pode ser feito por meio de: 

  • Padronização de processos;
  • Redução de erros e penalidades;
  • Melhoria da eficiência operacional;
  • Redução de litígios.

Ferramentas adequadas

Investir em ferramentas de compliance, como um canal de denúncias, a princípio, pode parecer um gasto adicional. Porém, a longo prazo é uma solução que pode simplificar o processo de conformidade.

Com um bom sistema de conformidade, a empresa consegue acompanhar facilmente quem deu aceite em determinadas políticas, realizou treinamentos obrigatórios, entre outros aspectos essenciais para garantir a conformidade.

Vejamos em quais aspectos as ferramentas que podem ajudar:

Controles internos em dia

Outro aspecto do compliance que ajuda a enxugar custos é a manutenção dos controles internos. Assim, podemos garantir que a empresa esteja em conformidade com as regulamentações e protegida contra riscos operacionais.

Mas, afinal, como o compliance pode contribuir para a atualização dos controles internos? Há alguns pilares do compliance que atuam diretamente nessa vertente:

  • Identificação e mitigação de riscos;
  • Prevenção de fraudes e erros;
  • Eficiência operacional;
  • Cumprimento das regulamentações.






Conheça o clickCompliance!

Com integrações eficientes e um design profissional, o clickCompliance é um software de compliance que torna o trabalho de conformidade muito mais fácil.

Nossos módulos incluem a automatização de processos internos, utilizando tecnologia e Inteligência Artificial para reduzir os custos e o trabalho manual da equipe de compliance.

Dessa forma, a implementação de políticas de compliance pode ser mais simples e contribuir para a economia de recursos.

Agende uma demonstração e saiba como podemos contribuir!

Author


Avatar

Helen Lugarinho

Apaixonada por tudo o que envolve comunicação, compliance, cultura e pessoas! Novas histórias e desafios me movem.